Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xanalicious

Ter | 15.05.12

Batons baratinhos: sim ou não?

Demorou mas chegou - um post sobre os batons baratinhos que andam cá por casa. É das poucas coisas em maquilhagem que vale a pena explorar os baratinhos (porque não toca na sagrada pele da cara, e os lábios são mais "resistentes"). Mas cautela na escolha, nomeadamente os demasiado baratinhos: uma vez comprei um do chinês que quase me queimou os lábios.

Hoje trago-vos dois da H&M, um da Beauty UK, e outro da Topshop. O preço anda apenas por um dígito: H&M €3.95, Beauty UK €5.99, e o da Topshop £8 (aproximadamente €10), e em ambas as colecções as cores apresentadas são bastante actuais (=bonitas&tentadoras).




Recomendo ambos, mas acho que depende muito do género que preferem, a ver:

H&M | São hidratantes, as cores são muito actuais, mas não são muito pigmentados - ou seja, há que aplicar várias camadas. A duração não é das melhores, mas também não é má, acho que vale a pena experimentar. Existe mais um cor disponível nesta colecção - um beige rosado muito giro mesmo (comprei depois de tirar as fotos).

Beauty UK | É mais seco, mas acho a pigmentação razoável. Óptimo para quem gosta de matte, e não costuma ter problemas com duração nos lábios (eu tenho, por exemplo).

Topshop | É o que mais gosto (também é o mais caro e mais inacessível - por só estar disponível online, com portes de envio de £5), e o mais 'equilibrado' dos quatro: pigmentação óptima, mas ao mesmo tempo é hidratante qb. No outro dia li num blogue que os batons da Topshop são iguais aos da MAC - não vou tão longe (são coisas completamente diferentes, não duvidem), mas a duração é 'comparável'.


É muito importante que fique claro que, embora seja divertido explorar os baratinhos, nada substitui um bom batom: vermelho, rosa , beige/nude, vinho - são batons em que devemos investir (por exemplo MAC, YSL, NARS, Lancôme), e a qualidade/durabilidade/sensação-na-pele não se compara. O meu conselho é primeiro investirem nuns intemporais 'a sério', e depois divertirem-se com estes achados.
Ter | 15.05.12

STRAPPY LOVE

Quando a cabeça não tem juízo... A carteira é que paga. Ou, neste caso, quando as strappy amarelas (lindas que só elas) não ficam bem no pé, há que procurar alternativas... E no meio da procura, eis que não consigo decidir entre duas. E acabei por trazer as duas, num acto de loucura - mas já disse que gosto mesmo muito de sandálias?! E saíram as duas mais baratas que as amarelas: thats cool, hun?

Ignorem a etiqueta das beige, mas - como mostrei aqui - há que retirar a tira do meio, e ainda não decidi como vou fazer (sapateiro?! i guess so).