Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xanalicious

Sex | 07.12.12

CONSUMO EM CRISE: O que comprar/não comprar no Natal

Hoje decidi fazer um post rápido sobre a questão de consumo natalício - seja para oferecer ou para consumo próprio (as tais prendas "de mim para mim").


É certo e sabido que esta altura é muito tentadora, e nem as notícias (que quase não vemos, porque andamos a passear de shopping em shopping) que alertam para mais um "pior ano das nossas vidas" (f***) nos demovem de só pensarmos no que: queremos receber, e temos que comprar para oferecer.

É muito comum pedirmos/oferecermos (e comprarmos para "usar nos dias de Natal") muita roupa. E, claro, que na altura do entusiasmo e do 'xitex' nem nos passa pela cabeça aquela grande questão - passados uns dias, tudo vai estar em saldos!! Se querem mesmo roupa há apenas uma de duas coisas a fazer:

- Pedir dinheiro, e comprar uns dias depois.
- Não arriscar ver esgotado, e comprar logo.



E, para oferecer, optem por acessórios ou cheque-prenda. Esta última opção é algo "fria", eu entendo, mas... Estamos em crise!! E se há coisa que a crise nos ensina é a sermos práticos, e fazermos render os nossos tostões em algo que valha a pena.



E para quem resistir à tentação dos 'trapos', o que pedir/oferecer? Depende dos gostos de cada um, óbvio, mas na generalidade são boas ideias:

- Livros
- Tecnologia (telemóveis, máquinas fotográficas, pc's, ipad's, ...)
- Maquilhagem
- Relógios ou joalharia
- Óculos (a maior parte das lojas começa saldos antes do Natal)