Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xanalicious

Seg | 30.03.15

-10


Aquilo que já parecia algo que nunca iria acontecer tornou-se realidade: em 1 ano perdi 10kg!

São números, e apenas isso, mas que me deixam muito contente e orgulhosa. Há muitos anos que queria perder alguns quilos, mas nunca passei de perder 2/3 (máximo 5 e foi quando estava acima do meu peso normal - por normal entendam o valor médio que sempre tive em idade adulta).

Há um ano dei por mim com hábitos péssimos, muito inchada, completamente descontrolada em horas, quantidades e qualidade; mas também com outros aspectos a piorar: a roupa a deixar de servir, a pele a sofrer as consequências e o espelho a dar-me a resposta que ignorei algum tempo... Precisava de ir ao médico e "tomar as rédeas".

Adiei essa decisão algumas semanas mas, quase de repente, deu-se um clique e fui! Estive qualquer coisa como 4 meses a ser seguida frequentemente e, desde aí, apenas esporadicamente.

Não mudei drasticamente de alimentação: ainda como hidratos (nunca deixei), quando me apetece como doces e afins. O truque é o controlo nas quantidades e tentar não abusar.

Com o Inverno tive umas semanas de disparate profundo e voltei a ganhar algum volume... Por acaso, pouco tempo depois, passei por uma fase de grande stress com trabalho, festas (Natal e afins) e outros assuntos e as minhas refeições resumiram-se a sopas e fruta. ERRADO!!!  Mas foi isso que me fez passar a fasquia para o peso mais baixo de idade adulta. Aproveitei e, quando voltei aos hábitos normais, tentei manter as boas práticas. E aqui estamos... 1 ano depois da minha primeira consulta, menos 10 quilos!! E, de longe, o meu peso mais baixo.

Mais que o peso (que é óptimo, não pensem que não estou contente) quero muito manter os bons hábitos, o controlo na gula (que é mesmo muita) e continuar a conseguir desfrutar de bons jantares (e almoços) sem sentir a roupa (agora 2 números abaixo) apertada!

Ahhhh, e menos 2 quilos também! Mas com calma, que é na calma que está o segredo!

.

PS - Não tomei nada ao longo deste ano, nem fiz qualquer tipo de tratamento, foi tudo absolutamente natural.
A minha médica, que MUITO RECOMENDO, é a Lillian Barros - vejam a página de Facebook aqui.