Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Xanalicious

Ter | 06.02.18

AS PEÇAS QUE DÃO SEMPRE NO OLHO

Os bons básicos, já sabemos quais são (se não sabem, pelo menos estão no blog certo ahah). Mas... E o resto? 


Os básicos são isso mesmo: a BASE. De quê? De um pouco mais, ou de muito mais. A escolha é, obviamente, vossa. Mas, existem peças e acessórios que "dão no olho" por bons motivos. E, há que admitir - quem não gosta de ouvir "UAU, onde é que compraste isto??". Toda a gente (Estudo de Mercado: eu!)

Com isso em mente, escolhi alguns "tipos" de peças - já no mood de Primavera, claro.




Malas pequenas, com graça. As da Uterqüe são super cool (as em formato "box"), mas é fácil encontrar baratinhas na Zara, em mercados ou lojas de artesanato. Eu sou MUITO fã.




Peças com detalhes étnicos. Casacos, sandálias, bolsas, blusas, brincos, lenços - os padrões coloridos e étnicos são muito especiais e bonitos. Os meus preferidos. Aproveitem viagens (vossas ou de amigos e família) ou, claro, toca a aproveitar estações em que estas sejam uma tendência 




Sapatos "da moda" (mas qb). O que é que isto quer dizer? Well, vocês já devem ter reparado que as tendências têm, muitas vezes, um toque quase circense (pelo menos, nas últimas estações). Nada contra, obviamente. Mas vejam bem o que é para o vosso estilo - existe uma ténue diferença entre o dar no olho para bem ou para péssimo! 

Exemplo em bom: as Knife Mules da Balenciaga.
Exemplo em mau: as Crocs da mesma marca (às vezes acho que as marcas andam a testar até onde vai a malta por tentar ser cool e fora da caixa - quando na verdade parecem carneirada... Enfim)



Uma jaqueta com detalhes (estampado ou extra extra). Há uma razão para os casacos em tweed nunca passarem de moda - e quanto mais coloridos e com padrões, melhor. Já repararam que não são os mais básicos que são os mais desejados? Same logic para quimonos. Quanto mais longos e "ricos", melhor!




Lenços. O que seria deste post sem referência ao meu acessório de eleição? De facto, este acessório é fácil de conseguir, de usar e MUDA tudo.




Um ponto de cor. Este é um dos truques mais antigos/clichés/wtvvv, mas por algum motivo perdura. Um ponto de cor (que se destaque ao olho), será a diferença e fará toda a diferença. Claro que, é ainda mais importante escolherem uma peça com a qual se sentem totalmente confortáveis - lembre-se que a ideia é que dê no olho!



Ter | 06.02.18

POR ONDE ANDEI EM... JANEIRO


Janeiro foi um mês com agenda cheia - mostly trabalho (o costume) mas, claro, há sempre tempo para a "má vida". Paparoca, passeio, voltas e voltinhas!!

Bem, e como sou dotada de bicho-carpinteiro e não paro muito tempo em casa, decidi começar uma rubrica mensal, mais "lifestyle", onde vou partilhando as minhas descobertas das últimas semanas. Também vai incluir leitura e séries (este mês, nada de especial a registar - Fevereiro será melhor, prometo!!)




ÚLTIMO PISO ECI // Bem, que xitex esta novidade. Realmente, fazia falta algo assim no nosso ECI, não acham? Além de ser um gosto para a vista (e para a carteira), agora este centro comercial também é um gosto para a barriguita!! Ainda só fui ao mexicano (lamento, não me lembro do nome). mas fiquei de olho no do lado (creio que era de tapas). Mas há mais: além dos restaurantes, temos a zona gourmet (que passou do 0 para ali, maior), temos a Laudeau (O-M-G!!!) e temos..... A Nanarela (que também existia em mini no piso 0, mas aqui está com tudo!!!). Esqueçam, este piso é a Disneyland dos adultos que gostam de passar um bom bocado na cidade (ou, simplesmente, terminar uma jornada de compras da melhor maneira).

Duas notas: por ser no último piso... A esplanada (no tempo quente) terá uma vista incrível em 360º sobre Lisboa; e sim, é um pouco overpriced.




MARVILA // Janeiro foi o mês em que me despedi de Marvila, onde trabalhei nos últimos meses. Ok, está uma zona gira - continua sem ser a minha zona preferida da cidade, mas lá voltarei. O meu destaque é o Café com Calma (tudo TÃO-BOM) e a grande desilusão do final foi o Lugar que não existe, que foi descendo bastante na minha consideração - ao início era óptimo, agora está para esquecer (estive lá a almoçar há umas semanas e, durante 1h30, passaram 4/5 pizzas por nós, com o restaurante vazio... Ora, eu não gostava de quase nenhuma, quase não almocei e paguei imenso. E já não foi a primeira vez). Depois, para ver: um armazém de antiguidades em frente ao Café com Calma.



PAPI & LOBSTER // Wow, que descoberta incrível!!! Só me apetece lá voltar (todos-os-dias). Imaginem: um sítio onde é fácil chegar e estacionar (Alcântara), com uma decoração e um ambiente absolutamente irresistíveis (mas, "tipo", mesmo!!) e, o que é realmente importante, pratos maravilhosos. Eu dividi uma massa bolonhesa e uma carbonara (sim, começámos pelos básicos, ahah), mas fiquei a desejo dos pratos com lavagante, claro. Recomendo muito a visita! (nada caro para a qualidade, btw)



CINE // Janeiro é o mês de voltar ao cinema, já se sabe!! Os que vi, recomendo mil (vou poupar-vos a grandes reviews, só iri ser ridículo ahah):

A hora mais negra: tão bom, mas tão bom. E, claro, dá para rir. Que interpretação incrível! Se gostam de história (e ninguém não gosta de descobrir mais sobre a WW2, não é?), vão gostar muito.




Jogo de alta roda: ia com expectativas muito baixas (porque achei que ia ser feito em modo comédia romântica, estão a ver?), mas não. Está óptimo - está totalmente o meu género de filme. Que nos prende a atenção e que nos deixa a torcer pelo "improvável", que nos deixa curiosos, que nos inspira!! Vou comprar o livro!! Fiquei fã da Molly. Tenho a certeza que vocês também.