Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Xanalicious

Sex | 19.03.10

Online shopping - Desculpem, mas não consigo!

É certo que eu me perco em, quase, todas as lojas online: net-a-porter, Asos, Forever21, ShopStyle, Bergdorf Goodman, Topshop - está tudo nos meus favoritos (apesar de não ter orçamento para alguns, mas não custa sonhar...). Mas a realidade é que eu nunca comprei nada online excepto livros (que não se encontravam disponíveis em Portugal).
Porquê? Perguntam vocês...

Contras:

- O artigo pode ser diferente do que mostrado: a cor, a textura, o corte. Não porque ache que os sites tentem enganar, mas porque ao vivo o item pode, simplesmente, ser diferente do que na fotografia.
- Tamanhos!! Eu tenho uma variação nos tamanhos que não me permite comprar mais que tops, tshirts, camisolas (básicas) sem experimentar. Calças, saias, sapatos, etc's não dá mesmo!

- Não experimentar: É certo que se pode devolver se não gostarmos, mas não há nada como experimentar uma peça para termos a certesa de que fica bem! Porque eu sei bem o que é achar uma coisa LINDA e essa coisa não nos ficar minimamente bem (qualquer pessoa que não seja alta e magra sabe bem o que isso é). E isto funciona mal por duas coisas: podemos ter "preguiça" de devolver uma coisa (e não se enganem, que isso acontece carradas de vezes!) ou podemos ter pena de devolver aquela peça que nos tínhamos apaixonado no site e que tivemos os dias que demorou a chegar a pensar na peça (que apesar de não ficar bem, continua a ser linda).

- Não ir à loja: Esta é, juntamente com a primeira, a razão principal. Eu adoro andar pelas lojas, vezes e vezes sem conta - ver, mexer, experimentar, babar... E é aí que está a piada de ir às compras. Chegar a casa, com os saquinhos, experimentar tudo outra vez... Enfim, aquela sensação de alegria consumista que, a meu ver, se perde no tempo que demora a vir uma encomenda!

- "Shopping is my cardio" (by: Carrie Bradshaw): Já passo tanto tempo sentada a vegetar em frente ao computador, que sabe bem sair de casa e ver a moda ao vivo e a cores mesmo à nossa frente! E assim também damos uma exercitada (juro que faço quilómetros às voltas na Zara... LOL).


Mas atenção, também existem prós:
- Tudo e mais alguma coisa à distância de um clique: se a mim sabem bem umas horas a andar, há pessoas que já passam a semana a trabalhar, chegam cansadas a casa e apetece-lhes tudo menos ir para a confusão de um Shopping... Nada melhor que dar uma vista de olhos, e dar um clique para que, daí a uns dias, se tenha entregue à porta de casa os itens desejados!

- Exclusividade: Esta é mesmo A vantagem. Existem n marcas/lojas que não vendem em Portugal, ou vendem longe das nossas residências. Eu bem sei o que sofri até a Blanco abrir em Lisboa (e mesmo assim, está looonge).

- O outro tipo de exclusividade: Basicamente o ter aquilo que mais ninguém tem, o ter algo de diferente daquilo que vemos nas montras das lojas "do costume" - uma lufada de ar fresco.

- Encontrar "aquela" peça: Sabem quando queremos mesmo alguma coisa, mas não encontramos em lado nenhum? Dar uma vista de olhos nas lojas online das marcas que não existem cá costuma dar bom resultado. Ou ter algo que já está esgotado na loja da marca em questão, mas ainda existe na loja online...

E vocês?

Costumam comprar online?

Boas experiências, e más experiências - Contem tudo!!


xxx

16 comentários

Comentar post

Pág. 1/2